Pular para a barra de ferramentas

Ar- condicionado: faça você mesmo a higienização

close up of air conditioner in car, Automobile detail. Picture use for Automotive Manufacturing.
0

Com a chegada da temporada de calor, tem um equipamento que a gente passa a valorizar muito dentro do carro: o ar-condicionado. Mas para tirar proveito dessa santa invenção para os dias quentes, é preciso lembrar também que se trata de um item que exige uma manutenção;  se isso não for feito, são grandes as chances de você comprometer sua saúde e a de quem estiver ao seu lado dentro do carro. O passo básico é fazer uma limpeza periódica, um jeito simples de manter o sistema em dia, com  ar fresquinho, livre de fungos e bactérias.

Para saber quando chegou a hora de fazer a higienização, fique atento ao primeiro e mais incômodo sinal: o mau cheiro. Outra situação bem comum é a dificuldade do sistema em manter o ar frio. Nessas situações, não tem o que pensar, é hora de dar um trato no sistema. Aí são dois caminhos: procurar um profissional ou reservar um tempinho no final de semana para você mesmo cuidar da limpeza.  Hoje existem bons produtos vendidos em embalagens do tipo aerossol e facilmente encontrados em lojas de acessórios automotivos por preços acessíveis. A operação é simples e normalmente  tudo vem explicado na embalagem do produto.

 

Fazendo a higienização

Com o produto escolhido, comece ligando o motor do carro e em seguida acione o ar-condicionado no modo quente e com a circulação de ar externa fechada; deixe o ar circular  na posição máxima por alguns segundos, isso vai ajudar a secar a tubulação. Depois, posicione o tubo do produto logo abaixo do porta luvas, na direção da caixa evaporadora e aperte a válvula até que ela trave; feche as portas do carro e aguarde até que todo o líquido seja vaporizado. Esse processo leva em média entre 6 e 8 minutos.

Na sequência, mude o seletor do ar-condicionado para o modo totalmente frio e o mantenha em funcionamento por um período de 5 minutos e ainda com o motor do carro acionado. Passado esse tempo, o trabalho está terminado! Aí pode desligar o motor.

Um último cuidado é abrir as janelas para deixar o ar externo circular no interior do carro, isso ajuda a eliminar mais rápido um possível excesso de cheiro do produto. A partir daí, pode utilizar o sistema de ar-condicionado normalmente e aproveitar o ar fresquinho e saudável soprando outra vez dentro do carro.

 

Lembre do filtro de cabine

Pra ter uma higienização completa e eficiente, é importante também conferir o estado do filtro de cabine, esse um item exclusivo do sistema de ventilação do veículo. Ele não tem nada a ver com o filtro de ar do motor, mas é fundamental para impedir a entrada de impurezas na cabine do carro. Dependendo da condição de uso – muita circulação em estrada de terra ou em vias urbanas com tráfego muito pesado e ar poluído – o filtro pode acumular sujeira mais rápido e precisa ser substituído. Mas essa é uma operação que deve ser executada preferencialmente por um profissional capacitado, pois na maioria dos casos é necessário desmontar parte do painel frontal.

 

 

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *